Pesquisa

Carregando...

Postagem em destaque

Como Instalar o LibreOffice 5.2.3

segunda-feira, 12 de novembro de 2012

Pirataria de Software: Um tiro no pé

 
Navegando pela internet assisti este vídeo curto da BSA pelo youtube resumindo os impactos negativos que a pirataria de software no Brasil traz para a economia nacional, não contemplando a criação de empregos, receitas para empresas brasileiras e outros dados estatísticos.

Posso dizer que é o retrato fiel da realidade aqui no Brasil e imagino que os números sejam bem maiores que os mostrados no vídeo.

Existem alguns pontos a serem analisados, como por exemplo, o fato das pessoas imaginarem erradamente que a pirataria seja basicamente relacionada ao Sistema Operacional e o Office, pois temos que lembrar que outros aplicativos são vendidos nas feiras como Corel Draw, Pacote Adobe, Photoshop, por exemplo. Hoje nenhuma empresa no Brasil produz editor de imagem, de vídeo, Banco de Dados, entre outros.  Se as empresas nacionais produzissem mais software e incentivassem seus clientes a usar software livre em áreas que basicamente não existem soluções nacionais, a pirataria seria muito menor. Aliás, outras empresas seriam beneficiadas, pois teriam apoio na hora de vender implantação e capacitação em Software Livre.

Se os usuários comprassem Sistema Operacional, o Office, o antivírus e mais programas originais, as empresas de TI nacionais poderiam reduzir o valor por suas soluções. Enquanto ficarem com essa ideia de que só é bom quando é pago (pirateado), essa situação ficará a mesma.

Não use nem compre software pirata, ao compra-lo na feira o mesmo pode conter algum programa espião que serve para roubar suas informações pessoais como senha de banco (vale salientar que caso você use o banknet e venha ter um roubo em sua conta a primeira coisa que o banco solicita é o seu PC, Notebook, Netbook ou Ultrabook de acesso, caso eles constatem que o software usado é pirata eles não te ressarcem, pois o risco assumido é seu e neste caso o banco não tem como garantir a segurança dos dados), e-mail, redes sociais, fotos pessoais, documentos entre outros.

Neste caso você tem duas opções: comprar um software proprietário ou instalar software livre em seu equipamento, mas, se quer continuar usando softwares piratas em seu equipamento assuma os riscos e não venha depois culpar o técnico de informática e quando você pedir para ele formatar e instalar todos os aplicativos (por R$ 30,00 ou R$40,00) certifique que seja instalado software original (a maioria pede para instalar o pirata). Pare de pensar no bolso e pense na segurança das suas informações, pague pela licença dos softwares proprietários ou instale o software livre. A escolha é sua e lembre-se: não use software pirata, pois quem perde com isso sempre é você caro leitor e nosso país.

Nenhum comentário:

Postar um comentário