Minha foto
Henderson Matsuura Sanches
Professor nas Faculdade JK de Tecnologia e Faculdade JK Michelangelo no Distrito Federal; Mestre em Engenharia Biomédica pela UnB/FGA (2017); Graduado em Licenciatura em Computação pela Faculdade Fortium (2011); Membro da Comunidade LibreOffice Brasil desde 2013; Membro da TDF – The Document Foundation desde 2014; Coordenador Geral do FLISOL – DF nos anos 2018, 2017 e 2016; Pesquisador no Laboratório de Informática em Saúde (LIS) da UnB/FGA com pesquisas envolvendo Ontologia no Tratamento da Neoplasia Mamária (NM); Membro da Comunidade Soffware Livre de Brasília; Sócio da ASL – Associação Software Livre; Sócio da SBC – Sociedade Brasileira de Computação e Sócio da SBEB – Sociedade Brasileira de Engenharia Biomédica.

Postagem em destaque

Distro Astro 2.0 (Linux para Estudantes e Profissionais de Astronomia)

Distro Astro é opensource e completamente livre. Foi criado, especialmente, para os astrônomos e entusiastas da astronomia. Baseado no Ubuntu, essa distro é disponibilizado no ambiente desktop MATE. É distribuído em 64 bits e 32 bits.

A Distro Astro tem recursos para a maioria das tarefas de astronomia, bem como: realização de pesquisas e astrofotografia (um tipo especializado de fotografia que envolve gravar imagens de corpos celestes e grandes áreas do céu noturno). Assim, as principais funcionalidades são: 

  • controle observatório de cúpulas comerciais, tais como: Sirius Observatories, e suporte para dispositivos como sistemas de foco e sensores de nuvem;
  • suporte para um grande conjunto de geradores de imagens, bem como: SBIG, Apogee, FLI, e Starlight Xpress, e webcams de astronomia amadora comuns, como a Philips ToUcam, Meade DSI e LPI, e Celestron nexImage. Veja a lista completa de suporte aqui;
  • acesso a biblioteca INDI (Instrument Neutral Distributed Interface) é fornecido por clientes suportados, tais como os softwares KStars, Cartes du Ciel, e XEphem;
  • inclui ferramentas para astrofotografia. Com recursos de correção de alinhamento polar, resolução de prato, composição de cores e de captura de vídeo. Assim, incluem ferramentas de imagem, tais como Registax que  permitem empilhar e processar a imagem. Ferramentas adicionais, como iMerge, Gimp, e ImageMagick, são incluídas para pós-processamento;
  • ferramentas de análise de dados estão incluídos na Distro Astro. Tem IRAF, XImtool e SAOImage DS9 para a redução e análise de dados astronômicos. É compatível com outras ferramentas do pesquisador como AIPS, AIPS ++, CASA, CIAO, IDL, ou GDL embora estes não são incluídos por padrão;
  • para usuários de Python, AstroPy, NumPy, PyFITS, PyWCS, VOTable são instalados por padrão. Os repositórios contêm bibliotecas adicionais, tais SciPy, CosmoloPy, APLPy, PyEphem e OSCAAR da NASA que pode ser instalado via apt-get;
  • contém, também, software para uso educacional. Ele inclui software planetário desktop, como o Stellarium para simular a posição das estrelas e dos planetas no céu, com bancos de dados internos de objetos celestes que lhe permitem encontrar informações sobre qualquer objeto nos catálogos;
  • inclui software para calcular e prever eventos astronômicos.
Destaque-se o seu modo de visão noturna (Toggle Nighvision) que alterna os tons tela de computador em tons vermelhos e escuros, diminuindo o nosso cansaço visual. Assim, facilita a observação do céu. 

Para saber todas as melhorias da versão clique aqui. Para baixar clique no link:http://www.distroastro.org/download/

Comentários