Pesquisa

Carregando...

Postagem em destaque

Agora Você pode Ajudar o Blog "Software Livre Brasília-DF"

quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

LibreOffice Mata Bug de 10 Anos que Interessava ao Brasil



10 anos aguardando a resolução de um bug que só a comunidade LibreOffice poderia resolver, nenhuma empresa no passado do LibreOffice se interessou, por ser específico demais.

O limite de 65000 caracteres para parágrafos do LibreOffice. São 13 páginas em fonte tamanho 10 e espaçamento simples. Quem escreveria um parágrafo tão longo?

Isso irá melhorar a compatibilidade com MSWord que não tem limite de 64k em seu comprimento parágrafo, o que obrigava o importador em dividir longo parágrafos em dois ou mais. E isso também aborda ao pedido de recurso para suportar longos parágrafos de escritor, a fim de apoiar o costume em algumas localidades (Brasil, e em outros países), onde há, aparentemente, um requisito para gravar minutos de certas classes de reuniões em um único parágrafo.

Pois a tradição jurídica ibero-portuguesa escreve atas, minutas, acórdãos, petições e muitos outros documentos sem quebra de linha por parágrafos. Medo de inserir algo no espaço em branco deixado na folha? Desejo de tornar a leitura a mais difícil possível? Inacessível ao mortal?

Esta restrição que agora já não existe mais, foi uma das belas desculpas para o judiciário brasileiro fazer a festa com milhões de dólares em licenças pagas em detrimento da opção LibreOffice e seus antecessores.


Fonte: Comunidade LibreOffice

Nenhum comentário:

Postar um comentário